• Date: 2003.05.28 | Category: Asas de Borboleta | Tags:

    LADAINHA

    Pai das borboletas

    – ouvi-me

    Criador das flores

    – ajudai-me

    Senhor dos ventos

    – socorrei-me

    Regente dos vôos

    – amparai-me

    Eterno Norte

    – tende piedade de mim

    Provedor do pólem

    – acolhei a minha súplica

    Mão que ampara as asas

    – levai-me para junto de Vós

    Sopro que eleva

    – tornai meu vôo firme e confiante

    Sol benfazejo

    – realçai o brilho das minhas asas

    Olhar que desabrocha as rosas

    – guiai-me a Vosso Jardim Eterno

    Voz que silencia o trovão

    – acalmai a agitação em torno de mim

    Presença faiscante de luz

    – bani das minhas vistas a ilusão

    Braço que sustenta o mundo

    – tirai o peso do meu coração

    Sois Vós o Pai amantíssimo

    Sois Vós o Abraço amigo

    Sois Vós o Olhar tolerante

    Sois Vós o Amor que aconselha

    Sois Vós a Vida que nunca cessa

    Olha por Vossa filha que Vos ama…

    Amém.